terça-feira, 9 de outubro de 2018

AS PROPOSTAS PARA O MEIO AMBIENTE DE BOLSONARO E DE HADDAD QUE DISPUTAM O 2º TURNO (ELAS "ATÉ ESTÃO" NOS PLANOS DE GOVERNO DOS DOIS PRESIDENCIÁVEIS)

A gente tem como fonte de informação para esta postagem textos do blog Impacto, de Jennifer Thomas, na Abril online e na revista impressa Veja, que finalmente assim está ampliando o espaço para o debate sobre a ecologia que é hoje um fator vital para o desenvolvimento sustentável tanto quanto a economia: mas nosso foco hoje é o que projetam Jair Bolsonaro e Fernando Haddad para a questão ambiental no Brasil a partir de 2019


Esta jornalista avança questões ambientais na mídia


Jennifer Ann Thomas está presente hoje no texto do blog do nosso movimento ecológico, científico, da cidadania e da não violência e também aqui na seção de vídeo do Folha Verde News, onde é apresentado perfil sobre esta jornalista que veio do Paraná (Universidade Federal de Ponta Grossa) e que já atuou também na agência de notícias France Press. Nosso post se baseia na coluna Impacto que Jennifer Thomas faz, com repercussão nacional. Anteriormente, há cerca de um mês, a gente aqui no nosso webespaço já tinha também em uma edição apresentado matéria sobre os planos de governo de todos os principais Presidenciáveis. E hoje, a gente retoma esta pauta, hoje a partir do resumo que Jennifer publicou sobre este assunto, também como uma forma de citar, destacar e homenagear o trabalho de ponta desta repórter e blogueira ambientalista. Um trabalho cá entre nós e numa só palavra, top. 

Presidenciável do PSL pensa como Trump sobre mudanças climáticas


Bolsonaro não se preocupa muito com ecologia, ao contrário


O deputado federal Jair Bolsonaro, que teve agora uma votação extraordinária para Presidente da República, também em termos de meio ambiente tem as declarações polêmicas que marcam suas falas em todas as questões e todas as suas entrevistas não pouparam políticas voltadas a este setor que, por sinal, "um setor já com grandes dificuldades nesse país de maioria ruralista", comentou por sua vez o editor aqui deste blog, o ecologista Antônio de Pádua Silva Padinha. Mas vamos na sequência ao resumo do que pensa Bolsonaro nesta questão, com certeza, essencial hoje em dia. O principal documento do planeta em termos ambientais é o Acordo de Paris, firmado por 195 países em 2015, que tem como um dos principais objetivos o de limitar o aumento da temperatura global em até 1,5ºC e do qual o Brasil é signatário. O documento reúne uma série de medidas que precisam ser adotadas para frear o avanço do aquecimento anormal e do caos do clima, também do ambiente, cada uma das nações tem a sua contribuição específica para tornar este plano possível, incluindo o Brasil. "Contudo, Jair Bolsonaro afirmou que, se eleito, retirará o país do compromisso internacional. A exemplo do que Donald Trump fez nos Estados Unidos", escreveu no blog Impacto, Jennifer Ann Thomas. Bem mas,  este acordo da ONU e de Paris à parte, o plano de governo deste candidato, com o mote “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”, não tem propostas específicas nos temas de clima, redução do desmatamento ilegal ou mesmo sobre a necessária universalização do saneamento básico. No caso aqui do blog Folha Verde News, a gente recebeu também críticas do índio Xavante Gaspar Tsiari Waratzere, que voltou para sua aldeia onde atua como professor da comunidade. após se formar em História pela Universidade Federal do Mato Grosso do Norte. Em contato com a gente ele criticou declarações do candidato a Presidente mais votado dia 7 que caíram muito mal sobre a não proteção das terras tradicionais e dos direitos humanos dos povos indígenas, que são os pais do nosso pais. 


As propostas de Fernando Haddad para o setor do meio ambiente



 Haddad tem algumas propostas ambientais que contradizem o PT


Segundo colocado no 1º Turno das eleições de 2018, o Fernando Haddad busca refletir o histórico do partido inclusive nas propostas ambientais, cita Jennifer Thomas no resumo que ela fez sobre ele no seu blog Impacto. Na parte final do seu plano de governo, Haddad se refere à questão ambiental, documento que ele chama ali de "Transição ecológica para a nova sociedade do século XXI". A seguir, os principais pontos da proposta ambiental dele.

1) Economia de baixo impacto ambiental e alto valor agregado
2) Promoção do direito à água e ao saneamento básico
3) Vida nas cidades
4) Vida no campo
5) Desmatamento zero, proteção da sociobiodiversidade e o papel da Amazônia na transição ecológica
6) Nova governança para a chamada transição ecológica.
Em especial, uma das propostas de Haddad que se destacam é a duma reforma fiscal verde, aumentando o custo da poluição e por outro lado para compensar estimulando investimentos e inovações de baixo carbono, no caso estariam energias limpas ou combustíveis menos poluentes, o que contradiz os governos e os programas do PT, sempre priorizando a estrutura energética do Petróleo.

O meio ambiente já sofre impasse hoje no país ruralista



 Moa capoeirista e pró Haddad foi agredido em discussão e morto por outro baiano eleitor de Bolsonaro com 8 facadas nesta semana sinalizando um clima de violência que ameaça o Brasil com a polarização PSL X PT


A questão da água e do clima mereceriam prioridade e também propostas de solução e de gestão sustentável


Fontes: veja.abril.com.br/blog/impacto - Agência Brasil
              folhaverdenews.blogspot.com

7 comentários:

  1. A gente aqui do blog Folha Verde News, ligado ao movimento da ecologia, da ciência, da cidadania e da não, em matéria que postamos há cerca de um mês já tínhamos destacado que entre os Presidenciáveis a exceção positiva, em termos ambientais, era Marina Silva.

    ResponderExcluir
  2. Logo mais, aqui nesta seção, mais informações sobre a pauta de hoje, tanto do lado positivo, a força na mídia do blog Impacto, de Jennifer Ann Thomas, Abril - Veja, como do lado negativo, a preocupação com as propostas ambientais dos dois candidatos que disputam o 2º Turno da eleição presidencial, exatamente no Brasil onde o meio ambiente é um dos problemas mais cruciais e uma gestão governamental de desenvolvimento sustentável, urgente demais.

    ResponderExcluir
  3. Você pode por aqui sua mensagem, opinião ou informação mas se preferir ou precisar envie o conteúdo pro e-mail da redação deste blog que a gente então posta aqui nesta seção para você: mande para navepad@netsite.com.br

    ResponderExcluir
  4. Vídeos, fotos, material de informação, notícias, sugestão de pauta, matérias, críticas, você pode também mandar direto pro e-mail do nosso editor padinhafranca603@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. "Na minha opinião, o meio ambiente e a população são os dois maiores prejudicados nesta eleição, as pesquisas canalizaram o voto dos eleitores para os dois piores candidatos do ponto de vista de mudar e de avançar o país": comentário de João Paulo Arruda Neto, de Santos (SP), formado em Psicologia pela Unesp. Ele escreve no seu e-mail que consulta sempre o nosso blog, a gente agradece, paz aí, vamos à luta pela ecologia.

    ResponderExcluir
  6. 'Vi uma chamada no Facebook e curti tanto essa matéria como o vídeo contando quem é Jeniffer Thomas, ela é muito jovem mas tem muitas informações que interessam a todos. Este blog eu já tinha acessado outras vezes e também sempre traz assuntos da hora": comentário de Luíza Fernandes, do Rio de Janeiro, formada em engenharia pela UFRJ, atuando no momento domo empresária no setor de moda. Agradecemos atenção e elogios de Luiz Fernandes, paz aí no Rio.

    ResponderExcluir
  7. "Detesto políticos, mais ainda ultimamente, me abstive de votar para não votar nulo, para dizer a verdade": comentário de Raul da Silva Carneiro, de Campinas (SP), odontologista.

    ResponderExcluir

Translation

translation